Casar-se? Como cuidar dos custos de montagem e enfrentá-los


25 de agosto de 2017 Facebook Twitter LinkedIn Google+ Últimas Notícias



A temporada de casamento está cada vez mais crescente, e enquanto é um momento feliz para casais e seus convidados, também pode ser muito caro. Veja como as contas se acumulam – e como você pode fazer cortes inteligentes sem que isso leve a problemas de casamento.

O que cortar primeiro

Os casais que procuram reduzir o custo do casamento podem querer considerar como aqueles que já estão casados ​​conseguiram cortar os orçamentos com sucesso. A pesquisa que o site “universo noivas” fez, encontrou que o vestido de casamento era o item mais provável para ser “rebaixado” para economizar dinheiro, seguido do número de convidados, os convites, o local e a comida. Muitas lojas de rua agora vendem vestidos de casamento, ou as noivas em um orçamento não tenham tanto poder financeiro para investir poderiam ir para um olhar de novidade.

Quando se tratava dos aspectos do casamento mais susceptíveis de serem abandonados, os canapés (aqueles pequenos salgados) sairam em cima, seguidos de favores, carros e aluguel de roupa. Talvez para algumas pessoas, ter canapés caseiros com um toque mais pessoal, em vez de abandoná-los completamente, e trocar champanhe por formas mais baratas de espuma, poderia ser um compromisso.

Por isso, muitos casais colocam na ponta do lapís, pois por exemplo, pode se trocar os canapés por docinhos, brigadeiros, claro isso dependendo do casal ou da equipe que irá montar todo o cardápio da festa do casal.

Full length portrait of newlywed couple and their friends at the wedding party showered with confetti in green sunny park

Como reduzir o custo para seus convidados

Enquanto tentam manter uma força apertada em seus próprios orçamentos, quase dois terços (63%) de noivas e noivos consideram ativamente, idéias de como reduzir os custos para os convidados que frequentam seus casamentos, de acordo com as pesquisas da empresa de cartões de crédito American Express. Nesta pesquisa, a empresa encontrou as três principais maneiras pelas quais as noivas e os noivos tentam reduzir os custos, que são: escolher um local a uma distância próxima da família e dos amigos para reduzir os custos de viagem, selecionar um tipo de prato que será de gosto comum para ser servido na festa e pedir aos convidados que não compre presentes (neste último fiquei até surpreso, que casal não gosta de receber presentes)

Depois das pesquisas que realizamos, aqui estão algumas dicas que selecionamos para os casais planejarem um casamento com custo-benefício “muito bom” para os seus convidados:

1. Alerta os seus convidados “cedo”, que moram longe Uma vez que você conheça a data, assegure-se de que todos os convidados que precisam pegar um voo para participar do casamento sejam informados o mais cedo possível, para que possam garantir as melhores ofertas de viagem.

2. Considere o local da festa com cuidado – Se você não quer que seus convidados fiquem nervosos, veja o preço das bebidas e dos alimentos (salgadinhos, bolinhos e doces) que o seu local irá fornecer para garantir que haja algumas opções econômicas na hora da compra.

3. Faça listas de presentes acessíveis – Se você está enviando uma lista de presentes, verifique se há itens que se encaixam em todos os orçamentos, para que os seus convidados não se sintam preocupados por não gastar o suficiente com você.

 

Comentários